Pronatec forma profissionais em áreas estratégicas em Apucarana

Mercados carentes de mão de obra capacitada, os setores em Apucarana que necessitam de operadores de empilhadeira e operadores de pá-carregadeira ganharam nesta semana novos profissionais. Através de cursos gratuitos oferecidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat), via Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico (Pronatec/Governo Federal), 23 profissionais receberam o certificado profissionalizante em solenidade realizada na última sexta-feira nas dependências do Centro da Juventude Alex Mazaron, no Jardim Diamantina.

A realização dos cursos teve parceria das secretarias municipais da Assistência Social e da Mulher e Assuntos da Família, e Agência do Trabalhador de Apucarana/Sistema Nacional do Emprego (Sine), por isto a formatura contou com a presença do prefeito Beto Preto (PT), que destacou o avanço do ensino técnico no município através dos cursos do Pronatec e a importância da capacitação da mão de obra. “No ano passado, através de parcerias sólidas com entidades como o Sesc, Senac, Senai, Senat, governos Estadual e Federal, viabilizamos a realização de dezenas de cursos pelo Pronatec, onde foram capacitados mais de mil novos profissionais e para este novo ano temos a mesma projeção. Em 2013, na proporção população e número de beneficiados, fomos classificados pela coordenação estadual como o melhor aproveitamento do Pronatec em todo o Paraná, o que nos deixa bastante confiantes de que estamos no caminho certo, qualificando nossos jovens para ocupar um espaço de destaque no mercado de trabalho”, frisou Beto.

Além da formação gratuita para uma vida profissional, durante o aprendizado teórico e prático de 160 horas, os alunos ainda foram atendidos com benefícios de vale-transporte e alimentação. “Dentro destas duas turmas, uma de operador de empilhadeira e outra de operador de pá-carregadeira, já tem muitos que saíram do curso empregado, com carteira assinada. Os demais, certamente não terão dificuldades para obter uma colocação”, observa Lucas Leugi, gerente da Agência do Trabalhador de Apucarana. Segundo ele, muitos dos formandos do curso de pá-carregadeira já efetivaram inscrição no concurso público para a função aberto pela prefeitura. “Tanto no setor privado, quanto público, para ambas as funções o salário inicial é bastante bom”, pontua Leugi.

Serviço – Diversos outros cursos profissionalizantes gratuitos, estão com inscrições abertas em Apucarana. Mais informações podem ser obtidas nos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), no Centro de Qualificação Total, localizado no Jardim América, ou ainda na Agência do Trabalhador.