Prefeitura recupera Rua Cristiano Kussmaul

Máquinas e operários da Prefeitura de Apucarana iniciaram nesta segunda-feira (28/04) uma operação de reparo emergencial da malha asfáltica em trechos da Rua Cristiano Kussmaul, importante via da região oeste da cidade que dá acesso a diversos bairros, entre eles jardins Paineiras I e II, Espanha, Solar de Toscana, Menegazzo, Europa, Alto da Boa Vista, Portal do Lago e Interlagos. “Quando esta rua foi asfaltada pela primeira vez, muitos destes bairros ainda não existiam, por isto sua base infelizmente não foi projetada para o intenso tráfego que recebe atualmente. O que existe é uma pequena lâmina de pavimentação asfáltica aplicada sobre a superfície de uma frágil base feita de piçarra compactada (ver foto)”, observa o prefeito Beto Preto (PT), que fiscalizou pessoalmente o início dos trabalhos de recuperação.

“Principalmente nos últimos 10 anos, esta região cresceu bastante e como o sistema de escoamento das águas da chuva também é praticamente inexistente nesta via, o pavimento não suporta”, pontua Beto, ressaltando que onde a prefeitura está promovendo a recuperação a base está sendo feita com material resistente.

A frente de obra, que deve se prolongar até sexta-feira, conta com trabalho de 18 operários, três caminhões, um rolo compactador, uma retroescavadeira e uma pá carregadeira. “Nesta etapa emergencial vamos investir mais de R$60 mil, garantindo o retorno da trafegabilidade”, frisa o prefeito.

De acordo com o vice-prefeito Júnior da Femac, o trabalho vai compreender em especial as três primeiras quadras da via, desde a intercessão com a Avenida Governador Roberto da Silveira. “Este é o trecho em pior estado. Estamos promovendo a retirada da base danificada com colocação de pedra rachão, pedra brita graduada e aplicação de concreto betuminoso usinado a quente (CBUQ)”, detalha Júnior. A prefeitura projeta utilizar até o final dos trabalhos, cerca de 50 metros cúbicos de rachão, 80 metros cúbicos de pedra brita e 100 toneladas de CBUQ.

Planejamento – No ano passado, por meio do decreto 095/2013, o prefeito Beto Preto (PT) declarou de utilidade pública, para fins de desapropriação, uma faixa de 30 metros de largura, paralela à Rua Cristiano Kussmaul, do trecho que vai da Rua Kishitaro Kayukawa, até o Contorno Sul. A área que envolve partes de vários lotes, destina-se à duplicação da rua, que será transformada numa via perimetral. “O nosso objetivo é facilitar a interligação de bairros, sem a necessidade de cruzar a área central, contribuindo para um melhor fluxo de veículos no trânsito”, assinala o prefeito.

Na confluência das ruas Cristiano Kussmaul e Kishitaro Kayukawa também foi declarada de utilidade pública uma área de 10 mil metros quadrados. “Este terreno se destina à reserva de área institucional para construção de equipamentos comunitários, incluindo escola, creche, posto de saúde e praça”, conclui Beto Preto.