Paróquia espera mais de mil fiéis em festividade neste domingo

Parte da programação de eventos dos 70 anos de Apucarana, comemorados no último dia 28 de janeiro, a Paróquia Cristo Rei, localizada no Jardim Diamantina, realiza neste domingo (16/02) a tradicional festa em louvor a Nossa Senhora do Desterro. As atividades têm início às 9 horas, com a 5ª Carreata e bênção de veículos. Às 11h30 terá almoço por adesão; e, às 13h30, 2ª Cavalgada com celebração tropeira. Todos os momentos serão conduzidos pelo pároco local, Padre Pedro Odair Machado, o Pe. Pedrinho.

A expectativa da organização é reunir pelo menos 400 automóveis e cerca 600 cavaleiros de Apucarana e região. “A carreata será realizada pelas principais vias do nosso bairro e imediações, já a cavalgada terá percurso de 20 quilômetros. A partida será da nossa paróquia sentido Clube Água Azul, passando pelo Parque Ecológico da Raposa. Após breve parada na Igreja São Pedro, localizada no Núcleo Habitacional Castelo Branco, os fiéis regressam pela Avenida Aviação até nossa igreja para celebração tropeira. Na sequência, às 15h30, será servido almoço por adesão aos participantes. O custo é de apenas R$10 por pessoa e no cardápio vão estar frango e linguiça assada, arroz, farofa e três tipos de salada”, explica a ministra Zeni da Silva, coordenadora da festividade.

O prefeito Beto Preto (PT) salienta que o louvor já é tradição da paróquia e que é uma satisfação ter um momento tão especial dentro da grade comemorativa ao aniversário da cidade. “Certamente vai ser um dia muito especial, com as pessoas se confraternizando e exercitando o dom da Fé”, pontua.

Membro da paróquia, o vice-prefeito Júnior da Femac, estende o convite para todos os católicos de Apucarana e região. “Esperamos a todos para juntos recebermos a graça através da intercessão a Nossa Senhora do Desterro”, diz.

Nossa Senhora do Desterro é um título católico dado à Santíssima Virgem Maria em representação à fuga da Sagrada Família com o Menino Jesus para o Egito, por causa da perseguição do Rei Herodes. Nossa Senhora permaneceu cerca de quatro anos fugitiva, desterrada no Egito, por isso, também é conhecida como Nossa Senhora da Fuga.

Segundo a Fé Católica, os que rezam a Nossa Senhora do Desterro, por sua promessa, serão protegidos contra a fome, a peste, a guerra e das doenças contagiosas. Os seus inimigos não terão poder de ofendê-los, nem roubá-los. Resistirão às tentações do demônio. Todos os que tiverem confiança nas misericórdias da Mãe do Desterro, serão felizes em seus negócios e viagens. Não morrerão sem a confissão e ficarão livres de uma morte repentina. A Santa do Desterro é muito venerada na Itália como a “Madonna degli Emigrati”, sendo padroeira daqueles que foram obrigados a deixar sua pátria para se refugiarem ou a fim de procurar trabalho no estrangeiro.

Mais informações sobre a festividade religiosa e reservas para o almoço por adesão podem ser obtidas pelo telefone 3426-8283.