Fiocruz vai ofertar cursos de pós-graduação pela UAB em Apucarana

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), por intermédio da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca, do Ministério da Saúde, lança neste mês de abril edital de inscrição para candidatos a tutores presenciais e profissionais da área de saúde interessados em cursar especialização em Ativação de Processos de Mudança na Formação Superior de Profissionais de Saúde e aperfeiçoamento de Facilitadores de Educação Permanente em Saúde. As formações serão ofertadas gratuitamente através do Polo Presencial de Apucarana do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB).

Os detalhes da parceria com a Secretaria Especial de Ensino Superior da Prefeitura de Apucarana foram debatidos nesta segunda-feira (17/03), no gabinete municipal, entre o prefeito Beto Preto (PT), a coordenadora do Polo Apucarana da UAB, professora Mara Nicolau, o secretário de Ensino Superior, professor Fernando José de Freitas, e a coordenadora Nacional dos cursos junto à Fiocruz, Dra. Luciana Alves Pereira.

“São cursos de altíssima qualidade. A Fiocruz oferece uma das melhores formações do Brasil na área. Esta é a quarta oferta nacional e a primeira oferta para o Paraná, contemplando apenas Apucarana e Umuarama. Observem bem, não é em Londrina e nem em Maringá, mas sim em Apucarana”, comemora o prefeito Beto Preto, frisando que o panorama já é um “reflexo do trabalho forte de articulação que a atual administração vem fazendo”. “São dois cursos de suma importância, trazem novas perspectivas para o funcionamento do SUS uma vez que auxilia os profissionais da área, sobretudo aqueles que estão saindo das universidades, a entender os diversos contextos do SUS, de que existe uma população que necessita ser atendida e com qualidade. A presença da Fiocruz no Paraná é um avanço, vamos trabalhar para viabilizar mais cursos”, destacou o prefeito.

A coordenadora dos cursos pela Fiocruz, Dra. Luciana Alves Pereira, que veio para conhecer de perto a estrutura do polo falou sobre a escolha de Apucarana. “Não foi aleatoriamente, mas por Apucarana ser um ponto estratégico, pela qualidade do polo presencial e pela cidade estar apta à UAB”, disse. De acordo com ela, a descentralização dos cursos para o Paraná foi incentivada a partir do momento em que a Fiocruz percebeu o crescente número de paranaenses buscando as formações em ofertas abertas em outros Estados da Federação. “Estaremos oferecendo 500 vagas nacionais. Os dois cursos de Apucarana vão oferecer cerca de 80 vagas, mas nada impede que, de acordo com a demanda, haja remanejamento para mais ou para menos”, comunica. A previsão de início das aulas é para o mês de maio ou início de junho.

Os cursos – Ativação de Processos de Mudança na Formação Superior de Profissionais de Saúde objetiva formar especialistas em ativação de processos de mudança nas áreas da educação e da saúde, aptos a desencadear e ampliar o pensamento crítico e a ação estratégica, com vistas a produzir, difundir e dinamizar processos de mudança na educação superior de profissionais de saúde no país, articulados com o SUS. Já o curso de Formação de Facilitadores de Educação Permanente em Saúde visa formar atores vinculados às diferentes práticas e processos de trabalho em saúde, educação e áreas afins, visando ampliar o pensamento crítico e a capacidade de desenvolver ação