Engenharia Química inicia primeira turma na UTFPR de Apucarana

O campus de Apucarana da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) inicia na próxima segunda-feira (17) a sua primeira turma do curso de engenharia química. Selecionados através da nota do ENEM, 44 alunos, a maioria procedente de cidades do interior de São Paulo, começam a concretizar uma grande vitória na história do ensino superior no município.

A partir da bandeira levantada em reuniões da agenda parlamentar do CREA/PR, a mobilização de órgãos públicos, da instituição de ensino e da sociedade organizada conquistou para UTFPR três cursos de engenharia. O de Química já é uma realidade, ainda estão por vir o de Engenharia Civil e Elétrica. Segundo o diretor do campus Aloísio Gomes de Souza Filho, a previsão é de começar a oferta de uma engenharia por ano.

Para oferta das engenharias Civil e Elétrica, a instalações atual do campus vão ganhar mais 8 mil metros quadrados de construção. O novo espaço vai abrigar salas, laboratórios específicos e bibliotecas. “Os projetos estão prontos e a construção do primeiro bloco, de 4,4 mil metros quadrados, já está em processo de licitação”, informa o diretor da UTFPR.

Aloísio lembra que tudo começou nos debates das agendas parlamentar do CREA, em 2010, quando a Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Apucarana (AEAA) apresentou a proposta de criação dos três cursos de engenharias. “O anseio existia e a AEAA tomou à frente. Através da mobilização da sociedade e com o apoio dos governos municipal, estadual e federal ele foi concretizado”, afirma o presidente da AEAA, Alcides Vicente Júnior.

O diretor da UTFPR acena com a possibilidade de ampliar ainda mais as opções cursos de engenharia em Apucarana. “Está em estudo à possibilidade da abertura do curso de engenharia da computação. Estamos elaborando projeto para encaminhamento ao Conselho de Graduação da UTFPR. O processo de implantação poderia ser antecipado já que os novos blocos têm capacidade para abrigar a expansão de novos cursos”, observa Aloísio.