Defesa de direitos fundamentais marca início do Mês da Mulher

Com a distribuição de flores e um discurso inflamado do prefeito Beto Preto, foi lançada nesta sexta-feira (07/03) a programação do Mês da Mulher. “Onde houver uma possibilidade de resgatar direitos me chamem, pois lá eu estarei.  Eu acredito em mobilização social e quero parabenizar todas as mulheres com o olho da mudança e da transformação”, enfatizou o prefeito. A solenidade, realizada no salão nobre da Prefeitura de Apucarana, contou ainda com a presença da primeira-dama, Adriana Gonçalves, e com homenagens a diversas profissionais e às servidoras do prédio central com mais tempo de trabalho.

Como exemplo de uma ação que visa garantir os direitos, Beto Preto citou o mutirão da tarifa social da água para moradores do Conjunto Habitacional Sumatra I, que ocorre neste sábado, das 8 às 12 horas, no Clube da Sabedoria. “Toda vez que se atende a maioria e as mulheres são a maioria, estaremos fazendo a diferença na vida das pessoas. Os moradores do Sumatra I vinham pagando cerca de R$ 20 e, agora com a tarifa social da água, vão pagar somente R$ 6,20. Quase a metade das famílias que moram lá serão beneficiadas. É um direito inviolável e que será assegurado”, frisa.

Outra ação da administração municipal mencionada pelo prefeito é a revisão dos valores de lançamentos tributários, entre os quais o alvará de licença, o ISS e a taxa de vigilância sanitária. “O alvará de uma cabeleireira não pode custar o mesmo de uma agência bancária”, compara. “Agora é o momento de prestar contas e de fazer as mudanças necessárias. Não podemos mais fazer o mesmo, temos que fazer diferente. Vamos avançar sem fazer alarde, com ações e efetivas e que tragam resultados”, assinala.

Beto Preto pediu prioridade para o atendimento das pessoas que estão nos cadastros da Prefeitura, defendendo uma postura pró-ativa de todos os setores. “A mudança exige quebra de paradigmas e isso deve acontecer todos os dias. Precisamos atender as pessoas que estão em nossos cadastros, dando condições para que elas se emancipem. O atendimento deve chegar àquelas que estão deitadas e amarguradas para que elas se levantem”, conclamou.

HOMENAGENS - Durante a cerimônia que marcou o início do Mês da Mulher, também foram apresentados vídeos com depoimentos de apucaranenses que atuam em diferentes segmentos profissionais, bem como dos serviços e atividades oferecidos pela Secretaria da Mulher e Assuntos da Família. “Entregamos ramalhetes de flores a uma policial militar, uma maratonista, uma lava car e uma advogada. Isso para lembrar que o trabalho da mulher está presente em diversas áreas. Também prestamos homenagem às servidoras do prédio central com mais tempo de trabalho, a Rosmeire Rivelini e a Rosane Klienchen, ambas com mais de 35 anos de serviços prestados”, afirma a secretária da pasta, Denise Canesin Moisés Machado, lembrando que cada uma das cerca de 200 mulheres que estiveram no salão nobre recebeu um botão de rosas.

PROGRAMAÇÃO – A programação do Mês da Mulher se estenderá até o dia 29 de março. Na tarde sexta, estava prevista a Palestra Violência Contra a Mulher – Lei Maria da Penha, ministrada pela assessora jurídica Rita Maria da Silva e pela secretária Denise na Faculdade de Apucarana (FAP), além de uma dinâmica de grupos da Pastoral do Idoso, no salão paroquial da Catedral Nossa Senhora de Lourdes.

Neste sábado, dia em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher, a Praça Rui Barbosa vai ser palco, entre 9 e 16 horas, de uma série de atividades alusivas à data. O Núcleo de Aconselhamento, Testagem e Tratamento de Apucarana disponibilizará testes rápidos de HIV e Hepatite, além de orientações sobre a Saúde Bucal.

A Secretaria da Mulher e Assuntos da Família vai cuidar da beleza das apucaranenses, oferecendo esmaltação de unhas ao longo do dia. Na mesma linha entra a participação do SENAC prestando o serviço de design de sobrancelha. No espaço SESC, as mulheres terão atendimentos de avaliação postural, ginástica multifuncional e orientações sobre saúde.

Já o SESI/SENAI marca sua participação com aferição do teste de visão e curso de mecânica básica para mulheres. A programação do próximo sábado (8) na Praça Rui Barbosa é uma realização da ACIA, Núcleo Setorial de Floriculturas (Programa Empreender), SESC, SENAC, SESI/SENAI, Secretaria da Mulher, Natta (Núcleo de Aconselhamento Testagem e Tratamento de Apucarana), Sivana, Prefeitura Municipal de Apucarana, Câmara da Mulher Empreendedora e Sicoob.

Ao longo do mês, haverá ainda diversas outras atividades nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS), na Escola de Desenvolvimento Humano Casa do Caminho (Edhucca), Centro de Apoio Social ao Adolescente (CASA), entre outros locais.