Arapongas joga muito bem e vence o Rio Branco por 3×0 no estádio dos Pássaros.

Diferente. Diferente dos últimos resultados, diferente na postura em campo, diferente até mesmo na sorte, esta foi à noite do Arapongão vencendo o Rio Branco por 3×0 no Estádio dos Pássaros.

As novidades da noite começavam pelo banco de reservas, de onde Gilberto Papagaio fazia sua estreia como técnico do Arapongão, em campo um time também mudado sem Murilo e Bruno suspensos, Raul começando o jogo como titular na lateral e Maicon Souza o até então o armador da equipe aguardando entre os suplentes. Em suma todas as mudanças fizeram muito bem ao time, que demonstrou uma empolgação impar batalhando pela bola desde os primeiros instantes e buscando o gol a todo momento.

Explorando muito as laterais o Arapongas tentava na bola área a abertura do placar, porém foi com Vinicius em um jogada vinda do meio, que abriu o placar, Vinicius faz seu quinto gol no campeonato e se coloca na artilharia da competição. Sem deixar cair o ritmo o Arapongas buscava ampliar sem sofrer grandes sustos, e aos 39min.  da primeira etapa, Ruy que vinha muito bem na partida fez um belo gol de falta.

Na virada da segunda etapa o Rio Branco fez três alterações, o que mudou os horizontes do jogo, o time do litoral passou a pressionar mais e o Arapongas foi obrigado a jogar mais recuado, porém se segurando e tentando definir o jogo nos contra-ataques, foram pelo menos quatro oportunidades desperdiçadas antes do terceiro gol araponguense marcado por Diego Silva, que entrou durante a etapa complementar.

Com o resultado a situação do Arapongão não muda muito, ainda precisa vencer o Toledo na próxima rodada e torcer por uma improvável combinação de resultados para uma possível classificação, mas de qualquer forma na ótica dos jogadores e comissão técnica o time mostra uma crescente e ânimos renovados para as próximas partidas.

O artilheiro Vinicius foi enfático ao responder sobre a situação do time após a partida – “Nunca duvidamos da qualidade do nosso elenco, e nunca deixamos de trabalhar, mas as coisas não estavam acontecendo, a bola não entrava, claro que ficamos envergonhados com essa situação mas não vamos desistir até sair dela, vamos continuar trabalhando forte e buscar as vitórias, como hoje”.

O recém chegado técnico, Gilberto Papagaio, creditou o bom desempeno ao compromisso dos jogadores – “O mérito da vitória é todo deles. Nós chegamos fizemos alguns trabalhos específicos e conversamos muito, trabalhamos o psicológico do grupo. Eles são muito jovens e tem muita qualidade, mas em determinado momento sentiram a pressão pelo resultado que não  vinha acontecendo. Eu procurei dar tranquilidade pra eles nesses dois jogos, e hoje foi assim, na garra, na superação, conseguimos juntar a técnica com a vontade”.

Domingo o Arapongas viaja até Toledo para enfrentar o TCW pela última rodada da primeira fase do estadual. Os resultados da rodada foram interessantes ainda na esperança da classificação, porém o Arapongas precisa de uma nova combinação somados a uma vitória para uma possível classificação a fase de mata-mata.

Substituições:

Sai ↔ entra
Pimba ↔Diego Silva
Alexandre ↔ Maicon Souza
Raul ↔ Marcus Vinicius

Jogos da Rodada:

Coritiba 2 x 2 Prudentópolis
J. Malucelli 1 x 0 Londrina
Cianorte 1 x 1 Operário
Paraná 2 x 1 TCW

Quinta – 06/03
Maringá X Atlético PR