Sustentabilidade e criatividade: na rota dos orixás permanece em cartaz até 12 de janeiro no Museu da Inconfidência

Graças ao relevante sucesso obtido, a exposição Sustentabilidade e criatividade: na rota dos orixás, com esculturas de orixás feitas em material reciclado pelo eco-designer Cristiano Sousa, foi prorrogada até 12 de janeiro de 2014. A visitação é gratuita e ocorre de terça a domingo, das 12 às 18h, na Sala Manoel da Costa Athaíde, Anexo I do Museu da Inconfidência (Ibram/MinC). O trabalho faz parte do Programa Socioambiental desenvolvido pelo Museu, cujo principal objetivo é auxiliar na melhoria da qualidade de vida dos servidores, público em geral e comunidade ouropretana.

Teve prosseguimento, também, a pedido dos participantes, a oficina de formação de multiplicadores na reciclagem de resíduos sólidos, que ocorre no Anexo I nas terças e quartas-feiras de outubro e novembro. As atividades foram iniciadas durante a 7ª Primavera dos Museus e são focadas na transformação de latas de óleo e desodorante usadas em obras de arte, de forma a gerar uma fonte de renda sustentável, bem como gerar a discussão acerca de questões ambientais.

O ARTISTA – Cristiano Raimundo de Sousa é proprietário da empresa Andrógena, cujo principal objetivo é propor alternativas lógicas para a saúde do planeta através da reciclagem, utilizando técnicas aprimoradas para transformar o resíduo sólido em obra de arte e registro de ícones das manifestações populares. A missão da empresa é formar multiplicadores, conscientizando-os de suas potenciais habilidades racionais e emocionais como forma de geração de trabalho e renda, buscando promover a inclusão social e contribuir para a preservação do ecossistema.

A Andrógena percorreu o Brasil e países europeus oferecendo oficinas lúdico-pedagógicas para populações de baixa renda e comunidades de periferia. Suas obras de arte e adereços obtiveram destaque na emissora de televisão Rede Globo, com a produção de objetos para os cenários das novelas Cheias de Charme e Avenida Brasil. Nesta última, abordou a condição do cidadão que busca a sobrevida no lixo e enfatizou a missão de gerar trabalho e renda como forma de resgate da autoestima e respeito à cidadania. Saiba mais: www.androgena.com.br / (31) 9248-7416.