Proerd confere aprendizado a 1,4 mil alunos da rede municipal

O 10º Batalhão da Polícia Militar do Paraná (10º BPM), em parceria com a Prefeitura de Apucarana, através da Autarquia Municipal de Educação (AME), realizou nesta semana, no ginásio de esportes do Colégio Nossa Senhora da Glória (Glorinha), solenidade de formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD). Ao todo, receberam a certificação de aprendizado 1,4 mil alunos da 5ª série de 32 escolas da rede municipal.

Devido ao grande número de novos “proerdianos”, a formatura foi realizada em dois dias (quarta e quinta-feira) e o destaque ficou por conta das famílias dos alunos que lotaram a praça esportiva nos dois dias. O prefeito Beto Preto (PT) também prestigiou o evento e enalteceu a importância do programa, que consiste em uma ação conjunta entre as policias militares, escolas e famílias no sentido de prevenir o abuso de drogas e a violência entre estudantes, além de ajudá-los a reconhecer as pressões e as influências diárias que contribuem ao uso de drogas e à prática de violência, desenvolvendo habilidades para resisti-las.

O prefeito Beto Preto agradeceu diretores de escolas, professores, pais e alunos pelo sucesso do programa. “Essa é uma parceria muito produtiva que todos nós mantemos com a Polícia Militar do Paraná, pois se trata de um programa maravilhoso, que investe e orienta os cidadãos do futuro”, assinalou.

O secretário de educação, professor Fernando José de Freitas, destacou a importante contribuição do Proerd na formação das crianças e fez questão de agradecer o sargento Rogério, o cabo Elias e a soldado Ana, pela dedicação na orientação dos alunos da rede municipal de ensino. “O Proerd é uma valiosa conquista das escolas e das famílias apucaranenses”, enalteceu Freitas.

Segundo detalha a coordenadora dos 4º e 5º anos da rede municipal, professora Andréia Dutra Soares, o conteúdo que é ministrado em Apucarana pelos policiais militares cabo Elias e soldado Ana, são importantes para o desenvolvimento dos alunos. “Em sala de aula foram trabalhadas lições que certamente todos já usam no dia a dia e contribuirão para que fiquem longe das coisas ruins”, avaliou a educadora. Ao todo, foram cerca de quatro meses de aprendizado. O momento alto da formatura é o instante em que todos os “proerdianos” prestam o compromisso de manterem-se afastados e longe das drogas.

O programa, segundo a coordenação do PROERD, é tido hoje como o melhor em prevenção primária, tendo bons resultados comprovados por pesquisas em todos os países onde é desenvolvido. “Através de metodologia especialmente voltada para crianças, o policial passa a mensagem de valorização à vida e à importância de manter-se longe das drogas”, complementa professor Fernando José de Freitas, diretor-presidente da AME.

Histórico – O Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD) é a adaptação brasileira do programa norte-americano Drug Abuse Resistence Education – D.A.R.E., surgido em 1983. No Brasil, o programa foi implantado em 1992, pela Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, e hoje é adotado em todo o Brasil. No Paraná é aplicado desde o ano 2000 através de uma parceria da Polícia Militar com a Secretaria de Estado da Educação e prefeituras, atingindo ainda o ensino fundamental na rede privada.

Mais informações sobre a iniciativa e outra ações do 10º BPM de Apucarana podem ser consultadas no endereço http://www.pmpr.pr.gov.br.