Parceria entre Porto Real e Resende qualifica jovens para o mercado de trabalho

Secretários de Trabalho e Renda dos dois municípios se reuniram para estreitar relações

 Na manhã dessa sexta, dia 1, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda de Porto Real, Eduardo Linhares se reuniu com o secretário de Trabalho e Renda de Resende, Kiko Besouchet com o objetivo de formar parcerias em prol da qualificação dos jovens do Sul Fluminense para o mercado de trabalho. O programa do Governo Federal Projovem Trabalhador implantado em Resende vai oferecer cerca de 600 vagas em cursos de qualificação para jovens de Porto Real e região. “Este programa só se estende para cidades com mais de cem mil habitantes. Portanto graças a esta parceria com Resende, os jovens do município poderão participar do Projovem Trabalhador. Ou seja, mais uma iniciativa que promove a inserção deles no mercado de trabalho”, explica o secretário de Porto Real Eduardo Linhares. Segundo o secretário de Resende, Kiko Besouchet os critérios de empregabilidade da Região Sul Fluminense são diferentes devido a forte presença do mercado automobilístico. “Estamos levantando dados e trabalhando na criação de um banco de vagas para facilitar à procura de emprego da população”, destaca Kiko Besouchet. Serão oferecidos cursos nas áreas de administração, alimentação, construção e reparos, serviços domiciliares, turismo e hospitalidade e metal-mecânica. Além disso, os jovens participantes com frequência mínima nas aulas receberão um auxílio financeiro de seiscentos reais, divididos em seis parcelas. As inscrições para ProJovem Trabalhador estão abertas em Porto Real a partir do dia 6 de novembro até o dia 30, para jovens de 18 a 29 anos. Os documentos necessários são: Identidade, CPF, Comprovante de Residência, Comprovante de Escolaridade, Certidão de Reservista (original e cópia), Título de Eleitor, número do PIS e Carteira de Trabalho. As inscrições serão realizadas no SINE, na Avenida Domingos Pederassi, de 8 às 17h. A inscrição é gratuita.