Apucarana repassa mais 20 mil m² de terrenos a indústrias

Mais 10 pequenos e médios empresários de Apucarana conquistaram terrenos para edificação de sede própria e expansão de seus empreendimentos em parques industriais de Apucarana. Ao todo foram repassados 20 mil metros quadrados de terrenos localizados nos parques industriais Galan, Zona Norte, Berté e Distrito de Vila Reis. Dentro da política de fortalecimento industrial do município, em setembro deste ano a Secretaria Municipal da Indústria e Comércio já havia oficializado a doação de 25 mil metros quadrados a outras sete empresas. O termo de repasse e regularização das novas áreas foi assinado e entregue diretamente aos beneficiários pelo prefeito Beto Preto (PT) em ato realizado na tarde desta quarta-feira (20/11) no gabinete municipal.

“A prefeitura vem realizando o seu trabalho e cumprindo com o compromisso de fomentar oportunidades a quem quer investir ou expandir seus negócios na cidade. A partir de agora desejamos que todos possam ter ainda mais êxito em suas atividades, gerando mais empregos e renda”, disse o prefeito. Ele enalteceu as conquistas obtidas neste primeiro ano de mandato, apesar das dificuldades herdadas. “Sabemos que precisamos avançar ainda mais com relação aos parques industriais, sobretudo na questão do asfalto e outras benfeitorias, mas não se conserta anos de atrasos sem antes dispensar muito trabalho e é isto que fizemos ao longo do ano, colocamos em dia questões deixadas pela administração passada”, disse Beto, anunciando novos projetos. “Em breve a prefeitura deverá lançar o novo parque industrial da Juruba, ampliar o Parque Galan e, nos próximos meses, colocar em uso o Parque Industrial de Pirapó”, comentou. Ele agradeceu ainda o trabalho dos vereadores. “Somos gratos por terem entendido as demandas e aprovado os projetos de reversão e novas doações de áreas, garantindo que Apucarana avance independente de cor partidária”, finalizou Beto.

De acordo com o secretário da Indústria e Comércio, Láercio Beani da Costa, as empresas beneficiadas atuam em diferentes ramos. “São empresários das áreas da alimentação, metalurgia, terraplanagem, máquinas industriais, reciclagem, bonés, equipamentos individuais de segurança, que vão ao encontro da nossa proposta, que é a diversificação das atividades econômicas em Apucarana”, comemora Costa. Segundo estimativa da prefeitura, inicialmente as empresas devem gerar pelo menos 200 novos empregos diretos. “Lembramos que estas áreas doadas neste ano são terrenos industriais revertidos pela administração municipal pelas beneficiárias anteriores não terem cumprindo com as cláusulas contratuais previstas no contrato, tendo como base o Programa de Desenvolvimento de Apucarana (Prodea)”, assinala.

O empresário do ramo de loteamento, Arildo Pedro de Oliveira, e que há 6 anos buscava o incentivo, destacou a mudança de atitude da prefeitura a partir da nova administração. “Estou em Apucarana há 20 anos e posso dizer que a administração municipal hoje está de parabéns. Nunca tivemos o apoio que estamos tendo agora, faltava incentivo. Quero agradecer aos vereadores, ao prefeito e toda equipe, pois todos nós aqui ao pedir fomos bem atendidos. Este terreno vai ajudar muito a todos nós”, avaliou o empresário, que conquistou área de 1.652 metros quadrados junto ao Parque Industrial Galan.