Apucarana estabelece um canal direto com Ministério da Cultura

Dentro da política de desenvolver uma atuação mais participativa do órgão em regiões do interior do país, a representante da regional sul do Ministério da Cultura (MinC), Clara Zitkoski, esteve ontem (7) em Apucarana para ministrar a oficina sobre a elaboração de projetos culturais que buscam incentivo financeiro junto ao Governo Federal. Além dos procedimentos gerais dentro deste objetivo, Clara detalhou ao público presente no salão nobre da prefeitura como concorrer no “Edital de Ocupação dos CEUs”, que estão sendo construídos em várias regiões do país.

Um dos municípios contemplados com a obra do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), Apucarana, através da Fundação Cultural, começa a realizar, na próxima quarta-feira, reuniões semanais com pessoas envolvidas nos mais variadas iniciativas culturais. Os encontros serão o ponto de partida dentro processo de escolha das atividades culturais para o local, ou seja, a ocupação do CEU. Um dos projetos a serem desenvolvidos naquele espaço será justamente o que for escolhido pelo MinC entre os proponentes para o “Edital de Ocupação dos CEUs”.

Durante a oficina foi possível esclarecer todas as dúvidas visando à participação neste processo. O projeto escolhido para cada Praça do CEU em todo país vai receber um incentivo de R$ 100 mil do MinC e será executado por um período de 6 meses dentro do CEU.

O edital de “Ocupação dos CEUs” pode ser acessado pelo site www.funarte.gov.br , no menu “edital de ocupação do CEU”. Clara disponibilizou também o contato da regional sul do MinC (51- 3204-7600), além do seu e-mail clara.zitkkoski@cultura.gov.br para informações e esclarecimentos.

“Nosso papel principal é orientar e apresentar a política do Ministério da Cultura. Sentimos aqui em Apucarana a grande disponibilidade do poder público municipal, através do diretor da cultura, Ednei Mansano, em fazer acontecer à cultura na cidade, o que não é visto em qualquer lugar. Estamos afinados para fomentar a cultura no município. Outros prefeitos que precisarem de apoio para levar esse conhecimento até sua cidade peça a nossa ajuda”, afirmou.